Fundamentos Psicanalíticos: segunda tópica freudiana

R$349,00

Especificações

Marcação:

Descrição

CURSO DE FORMAÇÃO EM PSICANÁLISE

Fundamentos Psicanalíticos: segunda tópica freudiana

Apresentação

Freud inventou uma clínica específica, a clínica psicanalítica. A partir de seus atendimentos das pacientes histéricas, Freud elabora uma nova concepção das formações dos sintomas, uma nova representação do psiquismo e um tratamento pela palavra. Nascia uma epistemologia, um método e uma técnica próprios para tratar o sofrimento psíquico. 

Jacques Lacan, psicanalista francês, a partir de seu retorno a Freud propõe encontrar respostas clínicas para os sofrimentos de seu tempo. No seu percurso, é possível distinguir duas clínicas: a primeira, conhecida como a Clínica do Simbólico, a qual corresponde aos  vinte anos iniciais de seu ensino; a segunda, denominada de Clínica do Real, elaborada nos últimos dez anos de ensino de Lacan.

O presente curso tem como objetivo apresentar alguns conceitos que estruturam o corpo teórico da psicanálise enquanto essenciais à prática clínica. Pretende-se que este estudo possa ser articulado à prática. É destinado a todos os que se interessam por estas discussões e também àqueles aos quais a prática clínica psicanalítica e seus pressupostos teóricos suscitam interrogações. 

Nesse semestre propomos a discussão a partir do ponto de torção da teoria de Freud denominada segunda tópica, desenhada a partir do texto “Para além do princípio do prazer” (1920).

Dra. Lisiane Fachinetto

Psicanalista, Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo – USP, Mestre em Psicologia do Desenvolvimento pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), coordenadora do Núcleo da Psicanálise Lacaniana do Espaço do Psicólogo e docente no curso de Pós-graduação em Psicologia Clínica (FMU).

8 ENCONTROS

Todos os encontros serão ao vivo pelo Zoom e as gravações ficarão disponíveis no Portal do Aluno para todos retornarem ou assistirem quando conveniente.

Apoio ao aluno

Grupo de WhatsApp para interação, troca de materiais e dúvidas entre todos os alunos e Membros do Núcleo da Psicanálise Lacaniana.

Cartel

Os alunos irão montar grupos (mínimo três e no máximo cinco pessoas) para o estudo de um tema de interesse comum, que pode ser um tema teórico, clínico ou uma conexão da psicanálise.

Carga horária 30H

Esse curso tem uma carga horária total de 30h. Sendo compostas por: aulas ao vivo, leitura de texto e atividades de cartel.

Formação

Esse curso faz parte da proposta de formação em psicanálise do Núcleo da Psicanálise Lacaniana. A Formação é sustentada no tripé: análise pessoal, estudo teórico e supervisão clínica.

Certificado

Será emitido um certificado de conclusão de cursos para os alunos após o encerramento do curso.

A Formação em Psicanálise

A formação em psicanálise acontece, desde Freud, no chamado tripé: análise pessoal, estudo teórico e supervisão clínica. Por conta disso não se configura como uma formação universitária, isso é, que ocorre através da transmissão de um conjunto de conhecimentos e técnicas, subsequente avaliação  da assimilação desse conteúdo e posterior certificação, mas trata-se de uma formação que se da no nível da experiência, na construção de um saber singular de cada um que se propõe a sustentar o lugar do analista.

A análise pessoal é condição para a formação do analista, porém ela não é suficiente por si só. O estudo da teoria e a supervisão da experiência clínica compõem o tripé que sustenta a formação. O estudo requer pesquisar as elaborações e reelaborações do campo conceitual da psicanálise, além do analista como bisturi, os conceitos são os demais bisturis que contamos para operar na clínica. A supervisão é um espaço para a escuta da escuta do analista em formação.

Desse modo o presente curso compõe um espaço da formação de novos analistas, mas é também um espaço de estudo e interlocução com outros campos do saber, sendo composto também por aqueles que não necessariamente querem vir a ser analistas, mas que o estudo da psicanálise faz questão e pode contribuir  pessoalmente, intelectualmente e profissionalmente.

Quem pode participar?

O estudo da psicanálise é livre e qualquer pessoa independente do grau de instrução pode participar do curso. Porém, para o exercício clínico é necessário uma formação de nível superior, qualquer que seja.

Cronograma

ENCONTRO I: ABERTURA

Torção teórica da primeira para a segunda tópica

12.Ago.2021 às 18h

Encontro II: Repetição, um além

26.Ago.2021 às 18h

A elaboração do conceito de repetição a partir da segunda tópica, Freud (1920) coloca em questão a predominância ou não do princípio do prazer sobre a vida psíquica. Nesse momento ele considera que nem todas as repetições responderiam ao princípio do prazer. Identifica um elemento repetitivo que se impõe, o que ele considera “ para além do princípio do prazer”. 

  • FREUD, S. (1920) Além do princípio do prazer. In: Obras Completas. Volume XIII. Rio de Janeiro: Imago, 1987 (capítulos I,II,III e IV).

Encontro III: Reelaboração do conceito de pulsão

09.Set.2021 às 18h

A partir do texto “Além do princípio do prazer”, Freud (1920), reorganiza os grupos das pulsões, não toma mais a dicotomia pulsões sexuais versus pulsões do ego, mas considera que a vida psíquica é regulada pelas pulsões de vida e pulsão de morte. Enquanto a primeira objetiva preservar a vida e manter certo nível de tensão, a segunda tenta reduzir a tensão a zero. A pulsão de morte está presente em todas as pulsões.

  • Freud, S. (1940 [1938]) Esboço de Psicanálise. In: Obras Completas. Volume XXIII. Rio de Janeiro: Imago, 1987. (Parte I, capítulo II).

Encontro IV: Aparelho psíquico: Eu, Isso e Supereu

23.Set.2021 às 18h

Para tratar do psiquismo, Freud elabora o aparelho psíquico, um lugar, espaço, funcionamento e sistema. Um modelo, uma engrenagem para descrever o funcionamento, uma representação da operação psíquica. No modelo da segunda tópica, o inconsciente deixa de ser uma instância psíquica e passa a integrar todas as instâncias. 

  • Freud, S. (1923) O eu e o isso. In: Obras Completas. Volume XIX. Rio de Janeiro: Imago,1987.
  • Freud, S. (1940 [1938]) Esboço de Psicanálise. In: Obras Completas. Volume XXIII. Rio de Janeiro: Imago, 1987. (Parte I, capítulo I; Parte III, capítulo VIII).

Encontro V: Complexo Édipo: a luneta para explicar a subjetividade

07.Out.2021 às18h

Freud inventa uma luneta para explicar a subjetividade. Proposição de um modelo, um organizador subjetivo. Para o psicanalista, a condição humana é determinada pela sexualidade. O devir humano. Articula o complexo de édipo com o complexo de castração, a interiorização da interdição. 

  • Freud, S. (1923) O eu e o isso. In: Obras Completas. Volume XIX.  Rio de Janeiro: Imago, 1987. ( capítulo III)
  • Freud, S. (1924) A dissolução do Complexo de Édipo. In: Obras Completas. Volume XIX. Rio de Janeiro: Imago, 1987.

Encontro VI: Mal-estar na cultura: a incompletude

21.Out.2021 às 18h

Freud no texto “Mal-estar na cultura” retorna e mergulha na discussão a respeito da vida social. A renúncia do sujeito da satisfação total, para ingressar no laço social é preciso que o sujeito se depare com o impedimento da satisfação pulsional. Apesar do impedimento, há sempre um resto, algo que insiste.

  • Freud, S. (1930[1929]) O mal-estar na cultura. In: Obras Completas. Volume XXI.  Rio de Janeiro: Imago, 1987. (capítulos VI e VII). 

Encontro VII: Análise terminável e interminável

04.Nov.2021 às 18h

Um dos últimos escritos de Freud, nele o autor retorna ao tema do funcionamento do tratamento psicanalítico. A discussão é centrada nas limitações e nos obstáculos que se colocam no caminho de uma análise. Os efeitos de uma análise.

  • Freud, S. (1937). Análise terminável e interminável. In: Obras Completas. Volume XXIII.  Rio de Janeiro: Imago, 1987. 

Encontro VIII: Apresentação dos carteis e conclusão

18.Nov.2021 às 18h

ACESSO AS AULAS

Aulas ao vivo
(Via Zoom)

Gravações
(Portal do Aluno)

INVESTIMENTO

Pagamento único

R$690

Pague a vista por boleto, pix ou parcele o valor total em até 12x no seu cartão de crédito.

Mensalidade

R$139,00

Seis mensalidades (assinatura) em seu cartão de crédito cobradas mensalmente.

dúvidas?

Fale com um membro do Núcleo. Tire dúvidas e conheça nossa proposta pessoalmente.

PERGUNTAS FREQUENTES

Após a confirmação de sua inscrição você receberá em seu e-mail o link dos encontros e todas as informações de acesso as aulas ao vivo  na plataforma Zoom.

Você será adicionado também ao Grupo de Whats App para discussão, tirar dúvidas e compartilhar materiais.

Todas as aulas são gravadas e disponibilizadas a todos os alunos, exceto em situações onde os próprios alunos em comum acordo solicitem a não gravação. Por exemplo, em grupos de estudos onde algumas pessoas podem não se sentir a vontade em serem gravadas.

Sim, ao final do curso e sendo aprovado(a) na atividade de conclusão (caso o professor opte por uma) será gerado o certificado e encaminhado por e-mail.

Todos os nossos cursos são livres e qualquer pessoa interessada, com ou sem conhecimento prévio,  pode participar.

Pagamento único: Sim, você tem até 7 dias após a inscrição para solicitar o cancelamento e estorno financeiro desde que o curso não tenha iniciado ainda.

Assinatura: Sim, todas as cobranças subsequentes após a data de solicitação serão canceladas.